Juniores: Mister quer manutenção primeiro para sonhar depois

Agosto 16, 2017

O Campeonato Nacional de Juniores arranca este sábado em Massamá. A equipa comandada por Diogo Vilhena estreia-se às 17 horas frente ao Real e o mister pede ajuda aos sócios e adeptos do Estoril Praia: "Com o apoio de todos seremos mais fortes"

Qual é balanço que fazes desta pré-época?

É um balanço extremamente positivo e que nos deixa entusiasmados para o início do campeonato. Conseguimos criar uma dinâmica colectiva muito interessante. Os jogadores, quer os que transitam da época anterior provenientes dos juvenis e juniores, quer aqueles que chegaram este ano ao clube, deram uma resposta muito positiva aos diferentes estímulos e dificuldades que lhes fomos colocando ao longo destas cinco semanas. Conseguimos também nesta pré-temporada passar a nossa ideia de jogo e principalmente consolidar uma forma de estar em treino e jogo, o que irá permitir uma consolidação mais rápida de todos os processos envolvidos na organização colectiva

Quais são os objectivos traçados para este ano?

O primeiro objectivo passa por criar uma equipa dotada de um forte compromisso colectivo e que honre e orgulhe o clube que representamos, respeitando os valores que este defende. Sabemos que só desta forma poderemos ambicionar a ter uma época de sucesso.

"O que definimos foi um objectivo mínimo que passa por alcançar o mais cedo possível a manutenção"

A realidade do campeonato nacional de juniores não nos permite, hoje, perceber qual o nível das restantes equipas que irão competir connosco, o que condiciona um pouco o traçar de objectivos realistas. Assim, o que definimos foi um objectivo mínimo que passa por alcançar o mais cedo possível a manutenção, mas isto não invalida que em função do conhecimento mais profundo dos nossos adversários e da resposta que a equipa for dando possamos traçar objectivos mais ambiciosos.

Durante toda a pré-época tivemos o Duarte Valente às ordens do Pedro Emanuel. Como é que essa experiência pode ser aproveitada pelo restante grupo?

Penso que esta situação pode ser aproveitada por todos os jogadores do clube e principalmente para passar a mensagem de que apesar de ser muito difícil o percurso até ao objectivo de muitos, ele é possível. Os nossos jogadores percebem, hoje, que quem lidera a equipa do futebol profissional, no caso do Pedro Emanuel tem uma preocupação genuína com a formação do clube e como o próprio referiu, e já demonstrou, não tem problema em apostar nela. A estreia do Duarte é o exemplo disso e a meu ver é o culminar de mais um processo de formação bem-sucedido por parte do clube em articulação com a SAD.

"Os nossos jogadores percebem que o Pedro Emanuel tem uma preocupação genuína com a formação do clube e já demonstrou que não tem problema em apostar nela"

Mas o Duarte não é caso único. Existem outros casos de sucesso bem recentes de jogadores que fizeram toda a sua formação no clube e que tiveram a sua oportunidade de se estrear no futebol profissional. Lembro-me desde que cheguei ao clube do Ricardo Vaz, do Ruben Pires, o Diogo Baltazar. Aquilo que observo e que todos eles têm em comum com o Duarte é que todos eles interiorizaram o que é ser jogador do Estoril Praia.

Preparar um jogador para as exigências do futebol profissional, garantir resultados e ao mesmo tempo dizer-lhe que não é mais um, parece uma empreitada difícil. Como é que isso se faz?  

Não basta dizer ao jogador que ele não é mais um, ele tem de sentir da parte do clube uma genuína preocupação com o seu desenvolvimento individual. E é esse trabalho que tem vindo a ser desenvolvido pelo clube. Neste momento, no Estoril Praia existem profissionais competentes nas mais diversas áreas, seja no treino, na nutrição, fisioterapia, psicologia e comunicação que permitem fornecer aos nossos jogadores as ferramentas que eles precisam para potenciar o seu máximo desenvolvimento.

Defendemos que o jogador do Estoril Praia deve estar dotado de um espírito de constante superação, que deve entregar-se ao máximo em todos os momentos seja em treino, seja em jogo. Deve respeitar todos os intervenientes do jogo, percebendo que o erro faz parte do jogo e que quanto mais forte e positiva for a sua reacção ao mesmo, maior será o seu sucesso. Se os nossos jogadores interiorizarem esta mentalidade vão, esperamos nós, estar melhor preparados para as exigências do futebol profissional.

"Temos profissionais competentes nas mais diversas áreas, seja no treino, na nutrição, fisioterapia, psicologia e comunicação que permitem fornecer aos nossos jogadores as ferramentas que eles precisam para potenciar o seu máximo desenvolvimento."

É também importante passar a mensagem que nem todos os nossos jogadores vão ser profissionais na próxima época, mas também não têm nesta transição para sénior, de desistir desse objectivo, nem enveredar por projectos que não lhes permitam consolidar o seu processo de formação. É importante saberem que estão num clube que pensa nesse próximo passo e que por isso na época passada começou o projecto da nossa equipa de sub-23. O objectivo foi precisamente a permitir que os nossos jogadores possam dar continuidade ao seu desenvolvimento.

Começamos o campeonato em Massamá, frente ao Real. É um jogo com uma equipa recém promovida, mas não se esperam facilidades…

 O campeonato nacional de juniores é altamente competitivo e por isso todos os jogos são de elevada dificuldade. O que procuramos incutir nos nossos jogadores é uma mentalidade competitiva que nos permita entrar em todos os jogos com a vitória como objectivo. Sabendo que não iremos vencer os jogos todos, o nosso compromisso será o de deixar tudo em campo em busca do melhor resultado possível.

Quero aproveitar esta oportunidade para fazer um apelo a todos os sócios e simpatizantes do clube para que se desloquem ao nosso centro de treinos e formação desportiva para apoiar a nossa formação. Sei que com o apoio de todos seremos mais fortes!

A equipa técnica dos juniores é ainda composta por Cláudio Martins, Valter Monteiro, preparador físico, e Mário Picoto, treinador de guarda-redes.  

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *